Posts

Ensaio gestante com cachorros é de derreter o coração

Em breve, seremos 5 (Crédito: Inovatto Studio)

Quando descobri que estava grávida, uma das únicas certezas que tinha, em meio às diversas dúvidas sobre como me preparar para a chegada de uma humaninha, era que os cachorros participariam de tudo, que eles são os meus filhos mais velhos e promoveria todas as adaptações necessárias na rotina deles para que tivéssemos um convívio harmônico.

E assim foi, mudei a alimentação deles, treinei o que poderia provocar ansiedade de separação e ciúmes, tirei o hábito de pular em mim, enfim, fiz a lição de casa para evitar problemas. Prometo escrever sobre tudo isso.

Além dessas mudanças, claro que quis incluí-los em objetos e lembranças que no futuro mostrarão à Maria Eduarda que os irmãos caninos sempre estiveram presentes na vida dela.

Inspirações – Um exemplo disso foi o porta-maternidade inspirado nos três (farei post sobre ele também). Acreditem, foi a primeira coisa que comprei, mesmo antes de qualquer roupinha. Também havia planejado fazer um ensaio pet + gestante em dezembro. Porém, como fiquei doente, internada e sem $$ tive que abandonar o plano.

Mas sabem como é, a vida nos proporciona grandes surpresas e há 15 dias a Cristiane Bellini, grande amiga e fotógrafa me ofereceu um presentão, o ensaio 😀 agora na reta final da gestação. Uma explosão de amor e fofura <3. (Veja abaixo os contatos da Cris)

Dicas –  Aproveitando a experiência, quero dar umas dicas sobre como tornar o ensaio mais agradável para as mommys:

– Planeje fazer as fotos até o fim do 7o mês. Eu já estava no 9o mês e me cansei muito antes do esperado. Fora isso, o barrigão dificultou minha mobilidade.
– Separe os objetos que queira incluir no ensaio: fotos das ultrassonografias, sapatinho, lembrancinhas. Na hora, você não lembrará de nada.
– Experimente antes as roupas que deseja usar. Às vezes, aquele vestido lindo que você tem não lhe deixará confortável.
– Se for fazer fotos externas, especialmente no verão, dê preferência aos horários do começo da manhã e do fim da tarde. O calor é muito exaustivo para uma sessão fotográfica.
– Quanto aos dogs, separe petisquinhos e brinquedinhos que eles gostem para usar na sessão. Em geral, mesmo os mais comportados, ficam excitados com a presença de alguém diferente e a quantidade de poses que têm de fazer *rs*.
– E, muito importante, escolha umx fotografx que curta pets e entenda que eles têm o tempo deles, como a minha querida amiga Cristiane Bellini, do Inovatto Studio. Isso é primordial para o sucesso das imagens.

Quer contratar a Cris? Os contatos seguem abaixo:

Inovatto Studio

Localização: São Paulo
Fotógrafa: Cristiane Bellini
Telefone: (11) 97676-7374 / 3209-7847

 

Saiu! Veja quem ganhou o calendário Celebridade Vira-Lata

[br]

Eu e o Theo sorteamos neste domingo (5) o calendário Celebridade Vira-Lata 2017. E a feliz ganhadora ééé… a Karolyne Panetone Ferreira. Parabéns! Lhe enviarei um e-mail ainda hoje pedindo o endereço de postagem.

Lembrando que caso a Karolyne não responda até o dia 7, terça-feira às 12h, realizaremos um novo sorteio.

Theo, meu ajudante no sorteio.
Theo, meu ajudante no sorteio.

Como comprar – As vendas do calendário já financiaram a castração de 9 mil animais entre cães e gatos. Para comprar o produto e ajudar a causa, que é a única solução possível para resolver o problema dos animais abandonados basta entrar no site Celebridade Vira-Lata.

Lá você encontra lojas on-line e físicas que vendem o produto. O calendário de mesa custa R$ 25 e o de parede R$ 35.

Sorteio do calendário Celebridade Vira-Lata 2017; participe

Calendário de 2017 (Crédito: Divulgação)
Calendário de 2017 (Crédito: Divulgação)

Pelo quarto ano seguido, o MFC tem orgulho de sortear um exemplar do calendário Celebridade Vira-Lata. Essa foi a maneira que encontrei de divulgar esse projeto tão bacana que já beneficiou 9 mil animais, entre cães e gatos, em seus mutirões de castração.

Para participar é simples, basta preencher seu nome completo e e-mail no formulário abaixo até 5 de fevereiro às 12h. O sorteio ocorrerá no mesmo dia às 13h. Divulgaremos o resultado aqui mesmo no blog e nas redes sociais.

Ainda no dia 5, entrarei em contato com a (o) ganhadora (o) para pegar o endereço de postagem. Caso não receba resposta até o dia 7 às 13h realizarei um novo sorteio. Ok?

Como comprar – Se você quiser comprar o calendário e ajudar a causa, basta entrar no site do Celebridade Vira-Lata, lá você encontra lojas on-line que vendem o produto. O exemplar de mesa custa R$ 25 e o de parede R$ 35.

Em algumas cidades, também é possível adquirir o produto em lojas físicas. Veja a lista.

Vídeo mostra maus-tratos a cão na filmagem de “Quatro vidas de um cachorro”

Um dos cães de “Quatro Vidas de um Cachorro” sofreu maus-tratos durante as filmagens da produção, é o que mostra um vídeo divulgado pelo site TMZ nesta quarta-feira.

(O vídeo segue abaixo. As imagens são fortes).

 

As imagens aterrorizantes revelam um treinador empurrando um pastor alemão – um dos cinco cães usados no filme – para dentro de uma piscina. O animal nitidamente não quer entrar no tanque com água em movimento e tenta desesperadamente evitar a queda.

Fontes ligadas à produção declararam ao site que oito motores foram usados para movimentar a água e simular um rio com correnteza. O cachorro chegou a entrar na piscina – ou foi forçado – mas rapidamente ficou submerso.

Não está claro se a cena contemplava o afogamento do cachorro, mas dá pra ouvir alguém imediatamente gritando: “Corta!” Outras pessoas nadam rapidamente em direção ao animal.

Em declaração ao TMZ, a Amblin Partners e a Universal Pictures, responsáveis pela produção, disseram que “promover um ambiente seguro e o tratamento ético aos animais foi de extrema importância aos envolvidos neste filme e vamos apurar as circunstâncias deste vídeo”.

Boicote ao filme – A ONG internacional Peta (People for the Ethical Treatment of Animals) está liderando um boicote a “Quatro Vidas de um Cachorro”. O Meu Filho Cão adere ao movimento, pois nenhum entretenimento humano vale o sofrimento de um animal. Quem nos segue no Facebook sabe que chegamos a divulgar o lançamento do filme no próximo dia 27, mas diante desse fato repugnante voltamos atrás, não assistiremos à produção e clamamos que mais gente faça o mesmo.

Seu cachorro também sente ciúmes de você?

 

Aqui em casa é nítido, o Theo morre de ciúmes da mommy (eu, no caso 🙂 e o Toddy, do papito. Eles nunca chegaram a atacar, até porque esse é um comportamento que deve ser tratado, mas o Theo já deu umas rosnadinhas pro papito quando ele tentou tirá-lo da cama quando estávamos deitados.

A explicação para essa atitude, no entanto, não é nada mirabolante, os cães podem se tornar ciumentos com tudo que consideram deles, especialmente, os humanos. Mas por que isso acontece? O livro “100 perguntas que seu cão faria ao veterinário, se pudesse falar”, de Bruce Fogle, dogs criados numa casa de mulheres se acostumam com a voz e o cheiro femininos. Se forem cachorros machos podem também se tornar proprietários delas e se sentir ameaçados quando farejam o cheiro de homens em suas tutoras.

Em qualquer relação entre homem e cachorro, apenas um humano se tornará o dono ou a dona. Nos ambientes onde há homens e mulheres, a escolha é influenciada por múltiplos fatores. Por exemplo, o peludo pode escolher quem o alimenta e passeia com ele, e essa pessoa pode ser uma mulher. Ou em outra casa, o eleito será aquele com a voz mais grave e severa, em geral, um homem. Cães que escolhem homens com essas características certamente possuem natureza dominante.

Melhorando a relação – Não é saudável que o peludo ataque aqueles que tentem chegar perto do seu dono ou da sua dona. Essas reações, de acordo com Fogle, podem ser minimizadas se a pessoa que é atacada assuma algumas responsabilidades em relação ao bichinho, como alimentar e passear.